Mais de 500 votos: Fala Ilha é o nome vencedor!
Cento e quarenta e cinco. Esse foi o número total de sugestões recebidas pela Escola da Ilha-Florescer.

Cruze os dedos, pois é chegada a hora de anunciar quem foi o ganhador do concurso que escolheu um nome para este boletim online. Com 512 votos, o aluno do 8° ano Matheus Lessa Arantes Boy é o vencedor, com a ideia ‘Fala Ilha’, que você viu aqui em cima. Ele ganhou um super vale-livro no valor de R$ 50,00, para escolher o título que quiser na Livraria Leitura, no Shopping Vitória.

Mas, para chegar a um nome tão legal, foram por várias etapas. Ao construir a primeira edição do informativo, o desafio foi lançado e a escola decidiu pedir a ajuda dos alunos. A animação foi total. Os participantes enviaram sugestões por e-mail, pelo site e depositaram cédulas em uma urna que passou de sala em sala.

Em seguida, a comissão julgadora do concurso – formada por profissionais da Florescer e Henrique de Oliveira Pegurin Libório, aluno do 8º ano, representando o grêmio estudantil – selecionou três opções que ficaram disponíveis no site por meio de enquete. As outras duas – Ilha News, de João Martins Siqueira, e Portal da Ilha, de Julia Araújo de Souza Siqueira – receberam 192 e 93 votos, respectivamente.

O objetivo deste concurso é oferecer a oportunidade de o aluno participar integralmente das atividades realizadas pela Escola da Ilha. Sendo assim, o mais importante não é vencer, mas participar e expor opiniões.

 
 

Rematrículas 2011: garanta a vaga do seu filho
Segue aberta a temporada de rematrículas na Escola da Ilha-Florescer. Pais que ainda não garantiram a vaga de atuais alunos, contam com uma equipe de relacionamento, disponível das 8 às 18 horas, para atendê-los e sanar dúvidas. O período de rematrículas teve início no último dia 28 e se estende enquanto houver vagas.

Para efetivar o processo é necessária a apresentação dos documentos do responsável (RG, CPF e comprovante de residência), ficha com dados do aluno atualizada, contrato de rematrícula e comprovante de pagamento da primeira parcela da anuidade.

Vale lembrar que a Escola possui convênios com a Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal do Espírito Santo (APCEF-ES), Petrobras, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Associação dos Magistrados do Espírito Santo (Amages), Sindiartistas, Sociedade Espírito Santense de Pediatria (Soespe), Lazer & Cultura (Arcelor) e Sindijornalistas.

Informações pelo telefone 3324-5700 e e-mail escoladailha@florescer-ilha.com.br.

 
 

Férias com diversão na Escola da Ilha
Faltam poucos dias para o fim das aulas e muitos pais já se veem na dúvida de como garantir que a criançada se divirta durante esse período e tenha uma ocupação produtiva. Uma ótima opção são as colônias de férias, que conciliam lazer e conhecimento. Na Escola da Ilha-Florescer, a programação conta com atividades lúdicas, educativas e culturais, de 17 a 23 e de 27 a 30 de dezembro, das 13 às 18 horas.

Podem participar crianças com idade entre 3 e 10 anos, alunos ou não da Escola da Ilha. As inscrições já começaram e são realizadas na secretaria. “É uma oportunidade extra para trabalharmos a socialização dessa turma e combater o ócio característico das férias em casa. As atividades são coordenadas por profissionais habilitados e auxiliados por monitores”, explica Cecília Oliveira, diretora geral da instituição. 

Confira quantas atividades legais a Escola da Ilha preparou:

Contação de histórias
Brincadeiras
Banho de piscina
Oficinas de argila, artes, sucatas, culinária
Banho de mangueira
Gincana de equipes
Bingo
Dia da bicicleta
Cineminha com pipoca
Caça ao tesouro
Piquenique
Festa à fantasia e muito mais

Colônia de Férias na Ilha
Data: de 17 a 23 e de 27 a 30 de dezembro
Horário: das 13h às 18h
Local: Escola da Ilha
Público-alvo: crianças de 3 a 10 anos, alunas ou não da escola
Inscrições: já estão abertas e podem ser feitas na secretaria da escola, das 7h às 18h30
Informações: 3324-5700

 
 

Grupo Ilha de Teatro em cartaz
Alunos que participam da oficina de teatro na Escola da Ilha apresentam um show de interpretação no próximo dia 09. A partir das 20 horas, os atores encenam os espetáculos ‘As sabichonas’ e ‘Meu querido diário’. Os interessados já podem adquirir convites na secretaria da Florescer, por R$ 5,00.

Em ‘As sabichonas’, os estudantes fazem uma releitura da adaptação feita pelo escritor brasileiro Millôr Fernandes à peça ‘As eruditas’, construída pelo famoso dramaturgo francês Molière. Na obra, ironizam as pessoas que utilizam o conhecimento como prestígio e poder social.

Já em ‘Meu querido diário’, os artistas encenam as aventuras de uma turma de 3° ano do Ensino Fundamental que resolve, a partir da proposta de duas professoras, publicar um livro coletivo com as melhores páginas de seus diários.

O Grupo Ilha de Teatro, coordenado pela professora Alexssandra, se apresenta tradicionalmente no final do ano, encerrando as atividades da oficina. “O sucesso das apresentações se expande cada vez mais e representa um marco no cenário artístico-cultural da Escola da Ilha. É, sem dúvidas, um momento muito aguardado por nós”, comenta a diretora pedagógica, Sandra Kretli. O evento será realizado no teatro do Colégio Marista. Não perca!

 
 

Turmas apresentam trabalhos desenvolvidos em 2010
Através da Exposição de Projetos, os alunos da Escola da Ilha-Florescer dividem com a comunidade as principais descobertas que conquistaram no decorrer das aulas. Neste ano, as salas da Escola e stands montados na quadra serviram como palco para diversas apresentações destinadas aos alunos e colaboradores, no último dia 19, e para as famílias e convidados, no dia 20.

Um dos pontos altos do evento é a integração dos conteúdos. Em um único espaço, os estudantes preparavam receitas saudáveis aprendidas no projeto Cozinha Brasil – iniciativa do Sesi –, identificavam o Índice de Maça Corporal (IMC) dos visitantes e destacavam os malefícios da busca excessiva por padrões de beleza.

O momento também proporcionou que os alunos apresentassem os conhecimentos adquiridos com as saídas de estudo promovidas pela Florescer, como a ida aos parques Paulo César Vinha, Fonte Grande e Pedra Cebola, envolvendo diferentes disciplinas de maneira interdisciplinar.
“Sempre viemos à Exposição de Projetos. É mais uma forma de acompanharmos o que é produzido na Escola e prestigiarmos os trabalhos da nossa neta. Neste ano, adoramos a organização e a dinâmica das apresentações”, contam Leila Pascoal Soares e Juarez Soares, avós da aluna do 6º ano Maria Beatriz Soares Eller.

A cobertura completa do evento você lê no site da Escola da Ilha.